ASSIM NÃO DÁ!

A Operação Lava Jato começou a fazer bobagem. Ela iniciou bem, dedurando os corruptos adversários, prendendo-os e até condenando-os a rigorosas penas.  Mas agora abriu suas baterias contra os nossos bandidinhos de estimação. Como diria o ex-presidente FHC:  Assim não dá!  Ferrar o Lula e a Dilma, tudo bem,  mas, o Aécio Neves e o Serra?  Isso não estava no script. No nosso script. Não há mais coerência na política. Era simplesmente para  trocar a guarda do Governo, para trocar a guarda do Legislativo, trocar os afilhados deles pelos nossos e tudo bem.  Mas agora a Lava Jato está melando tudo.  Outra coisa que não está mais funcionando direito: As Reformas.  Todo mundo sabe que as Reformas são programadas para ferrar o brasileiro. Mas agora, na PEC  da Previdência,  já estão incluindo normas iguais para todos. Normas para trabalhadores, para servidores, para militares, para políticos, sem distinção. Mesmo tempo, mesma contribuição. Onde se viu isso?  Desde quando os servidores, os políticos devem sujeitar-se  às mesmas normas destinadas aos trabalhadores do INSS? Onde ficam  as vantagens as mordomias, os auxílios sem imposto de renda, as aposentadorias aos oito anos de trabalho, aos  quatro anos de trabalho, os valores acima do teto que nós políticos e altos servidores temos  direito? Onde ficam os direitos adquiridos?  Estão querendo transformar a nossa democracia em uma ditadura. Fruto  dessa Lava Jato, estão procurando, também, fazer uma Reforma Política, uma  Reforma Eleitoral. Daqui  a pouco, com  as Reformas, vão querer cortar o décimos-quartos e décimos-quintos salários, as infindáveis assessorias,  férias de dois  e três meses que os políticos e os altos servidores têm direito? Até os auxílios moradia, auxílios educação e auxílios alimentação, que, convenhamos,  nós realmente exageramos na dose, os brasileiros engoliram bem, então por que mexer.  Essas Reformas têm que parar. Primeiro a Lava Jato barrou o acesso à corrupção que ia tão bem, com os nossos  políticos e   altos servidores forrando o ponche.  Agora essas mudanças todas. Nós políticos e  altos servidores não poderemos mais viajar pelo mundo, adquirindo mansões no exterior   e   queimando o rico dinheirinho do contribuinte otário? Isso não tem sentido. Políticos e altos servidores, vamos nos unir!  Está na hora de derrubarmos as populares  leis anticorrupção, as leis  que cortam os privilégios de foro, as leis que cortam as nossas vantagens, as nossas mordomias, com  urgência.  A vaca está fugindo com a soga! Ou nós acabamos com essa Operação Lava Jato ou ela acaba com as nossas vidinhas, com os nossos milhõezinhos,   com as nossas mordomias. Só no Congresso Nacional nós somos seiscentos parlamentares, sem contar com os milhares de servidores dessa Casa,  e o Moro é só um! Se nós perdermos para esse povinho engolidor de sapos, com quem nós vamos empatar?

 Wilmar Rodrigues de Almeida - Advogado, colaborador.

0 comentários | Escrever comentário