A 21ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE / Três Passos) compartilha, que a partir do início deste ano letivo, contará com mais três instituições de ensino em Tempo Integral. Trata-se das escolas: de Educação Básica Padre Gonzales (Três Passos); de Ensino Médio João Leopoldo Vogt (Barra do Guarita); e, de Ensino Fundamental Bento Gonçalves (Braga). Com este acréscimo a 21ª CRE passa a contar com seis escolas nesta modalidade.

 

Na prática, a implantação do Tempo Integral resulta em muitos benefícios para a comunidade escolar. O estudante permanece de sete a oito horas na escola. No período, recebe quatro refeições elaboradas por nutricionistas. Participa de todas as atividades com maior variedade de componentes curriculares e professores. É acompanhado por educadores da rede pública estadual. Isso resulta em aulas mais criativas voltadas à formação integral com possibilidades de aprendizagens múltiplas, com espaço para o lúdico, a reflexão, a criatividade, ênfase nos bons relacionamentos e no protagonismo, uma vez que o envolvimento oportuniza maior comprometimento e responsabilidade dos educandos.

 

A professora Lurdes Dresch, coordenadora desta CRE, lembra que, conforme definido no projeto da modalidade, “podemos entender a educação integral como estratégia de formação integral do ser humano como indicativo de uma nova e promissora perspectiva no enfrentamento das questões que hoje se impõem às redes de ensino.        

 

A equipe diretiva da Padre Gonzales manifestou satisfação com a implantação do Programa Escola em Tempo Integral. Ela considera que “o programa atende a demandas da comunidade e oportuniza aos estudantes uma educação diferenciada e de qualidade, pois, a ampliação do tempo escolar possibilita novas práticas visando o crescimento pessoal e coletivo dos educandos”. É diretora desta escola a professora Ronize Morgenstern.

 

Diante da implantação desta modalidade, o diretor da Bento Gonçalves, professor Genésio João Renz, manifestou a gratidão da comunidade escolar. Neste sentido afirma: “por ser escola pequena e do campo estamos acostumados com desafios, e, atender em turno integral será mais um. Trata-se de um grande desafio, no entanto, temos a certeza de que com o empenho dos envolvidos, os resultados serão significativos e gratificantes.”

 

A equipe diretiva da João Leopoldo Vogt compartilha o contentamento e a gratidão de sua comunidade escolar, misto de alegria e certa ansiedade diante do novo desafio. A modalidade foi bem aceita por todos, pois para estes, “acreditar na educação vale a pena”. É diretora na João Leopoldo a professora Maria Terezinha Vogt Vaz.

0 comentários | Escrever comentário