Centrais sindicais reunidas no 4° Congresso da Confederação Sindical Internacional (CSI), que
acontece durante essa semana em Copenhagen, na Dinamarca, realizaram nesta terça-feira (4) um ato de solidariedade e em defesa da liberdade imediata do ex-presidente Lula. A CSI reúne sindicatos de 132 países e decidiu impulsionar a campanha internacional por Lula Livre.

Lula é preso político na sede da Polícia Federal em Curitiba desde abril deste ano. Desde sua prisão sem provas uma campanha internacional foi organizada para lutar por sua liberdade. Nesta terça-feira (4), o Supremo Tribunal Federal (STF) julga mais um habeas corpus apresentado pela defesa do ex-presidente.

A 4ª edição do Congresso começou no domingo (2) e se extenderá até sexta-feira (7), em Copenhagem, na Dinamarca. Reunirá cerca de 1.200 sindicalistas de 132 países e discutir as estratégias de luta para garantir a defesa dos direitos da classe trabalhadora de todo o mundo.

0 comentários | Escrever comentário