Cotação

USD/BRL
EUR/USD
USD/JPY
GBP/USD
GBP/BRL

Tempo

China apoia Rússia e diz que os EUA ‘jogam lenha na fogueira’ da tensão na Ucrânia

"É algo imoral e irresponsável", afirmou a porta-voz do Ministério chinês das Relações Exteriores sobre a conduta norte-americana no caso

23 de fevereiro de 2022, 13:53 h

 

Putin, Xi e Biden (Foto: Sputnik/Aleksey Druzhinin/Kremlin | REUTERS/Jonathan Ernst)

 

 

247 – O governo chinês acusou o governo Joe Biden nesta quarta-feira (23) os Estados Unidos "jogar lenha na fogueira" da crise ucraniana e recusou-se a apoiar as sanções contra Rússia determinadas pelos Estados Unidos e pela OTAN. A declaração foi feita por Hua Chunying, porta-voz da chancelaria chinesa. Segundo ela, sanções “nunca foram um meio eficaz para resolver problemas". Ela qualificou a ação dos EUA de "imoral". "Os Estados Unidos não param de vender armas para a Ucrânia, aumentando a tensão e criando pânico", afirmou.Chunying criticou diretamente a administração Biden: “"A questão-chave é saber qual papel os EUA desempenham nas atuais tensões na Ucrânia; alguém joga lenha na fogueira e acusa os outros, é algo imoral e irresponsável".Desde que o presidente russo, Vladimir Putin, decidiu reconhecer as repúblicas populares de Lugansk e Donetsk, os Estados Unidos, por meio da Otan, têm pressionado – com sucesso – outros países a imporem sanções contra a Rússia.