Cotação do dia

USD/BRL
EUR/USD
USD/JPY
GBP/USD
GBP/BRL
Trigo
R$ 115,00
Soja
R$ 180,00
Milho
R$ 82,00

Tempo

Genial/Quaest: Lula vence em 1º turno em todos os cenários estimulados

Lula chegaria a 51% em cenário sem Ciro Gomes e com apenas Bolsonaro e Simone Tebet

 

Foto: Reprodução/Twitter

 

 

Pesquisa divulgada pelo Instituto Quaest, e contratada pela Genial Investimentos, nesta quarta-feira (11) aponta que o ex-presidente venceria as eleições em primeiro turno em todos os cenários estimulados. No principal cenário da pesquisa estimulada, que inclui os nomes dos principais pré-candidatos, Lula lidera com 46% das intenções de voto, seguido por Bolsonaro, com 29%, Ciro Gomes (PDT), com 7%, João Doria (PSDB), com 3%, André Janones (Avante), com 3%, Simone Tebet (MDB), com 1%, Felipe D’Ávila (Novo), com 1%, e Luciano Bivar (União), que não pontuou.

Neste cenário, brancos e nulos somam 6% e indecisos 3%. A pesquisa indica que Lula tem chances de levar no primeiro turno, uma vez que os demais candidatos somam 44%. Em um segundo cenário, em que aparecem apenas os nomes dos três primeiros colocados e João Doria, Lula tem 46%, Bolsonaro tem 31%, Ciro Gomes tem 9% e o tucano tem 4%. Mais uma vez, a soma dos demais candidatos seria de 44%, inferior ao percentual do ex-presidente. Lula ainda chega a 51% das intenções de voto no cenário em que concorre apenas contra Bolsonaro e Tebet. Na estratificação por região do Brasil, Lula lidera no Nordeste (62% a 20% de Bolsonaro), no Sudeste (43% a 29%), no Norte (36% a 34%) e no Sul (40% a 35%), enquanto o atual presidente aparece na frente no Centro-Oeste (48% a 32% de Lula).

Entre as mulheres, Lula lidera com 51% contra 22% de Bolsonaro. Já entre os homens, Lula tem 42% e Bolsonaro tem 38%. A pesquisa Quaest aponta que 63% dos entrevistados dizem já ter decidido em quem irão votar, enquanto 35% dizem que ainda podem mudar. Já na simulação de segundo turno, Lula tem uma vantagem de 20 pontos percentuais sobre Bolsonaro (54% a 34%). No levantamento anterior da Quaest, divulgado em abril, a vantagem era de 55% a 34%. A pesquisa indica ainda que Bolsonaro e Doria são os candidatos com a maior rejeição, com 59% dos entrevistados dizendo que conhecem e não votariam neles, enquanto 43% dizem que conhecem e não votariam em Lula. A pesquisa foi realizada pessoalmente entre os dias 5 e 8 de maio. Foram entrevistadas 2 mil pessoas com 16 anos ou mais em 120 municípios do País. A margem de erro é estimada em 2 pontos percentuais e o nível de confiança é 95%. A pesquisa foi registrada no TSE sob o número BR-01606/2022.

 

 

 

 

Sul 21///

Agenda